Mulheres escalpeladas reencontram a esperança

Mulheres escalpeladas reencontram a esperança
  7 de fevereiro de 2017
Fotos: Fernando Sette Câmara – Todos os direitos reservados / All rights reserved

Orvam - Ong dos Ribeirinhos Escalpelados

Uma triste e dolorosa realidade ainda persiste nos rios amazônicos: o escalpelamento acidental por motores dos barcos. Meninas e mulheres, em geral, têm os cabelos arrancados violentamente pela rotação de motores sem proteção, causando um trauma físico e emocional às vítimas. Isso quando escapam da morte.
Mas através da ONG dos Ribeirinhos Vítimas de Acidentes com Motor (Orvam), essas pessoas estão encontrando uma nova forma de olhar o mundo e encarar a própria realidade. Além de dar atendimento às vítimas, levantando a autoestima, a ONG ajuda a mulheres e vencerem preconceitos e serem aceitas no mercado de trabalho, e também a prevenir novos acidentes.
A Orvam também aceita doações de cabelos e toucas para confecção de perucas, que podem ser entregues na sede da ONG, na avenida João Paulo II, Lote 134, bairro Castanheira, entre rua Mariano e rua Coração de Jesus.
Contatos: Maria Cristina Santos: (91) 3231 1177/ 9117 0490/ 8707 3792. Site: www.orvam.org.br. Para serem efetivamente aproveitados, os cabelos doados precisam ter, no mínimo, 30 cm de comprimento.